Anuncie

Anuncie

Neoenergia Coelba zera cobrança de juros, correção e multa dos clientes de baixa renda que possuem contas em atraso

Os clientes da Neoenergia Coelba inscritos na Tarifa Social de Energia Elétrica ganharam uma nova oportunidade de negociar os débitos com a concessionária.


Até o dia 13 de novembro, a distribuidora vai estar zerando as cobranças de juros, correção e multa dos clientes que possuem contas em atraso, podendo chegar a um desconto de até 36% no valor total da dívida. A empresa ainda permitirá a quitação do débito à vista ou dividido em até 18 parcelas no cartão de crédito.
O cliente que deseja participar desta negociação deve entrar no portal da empresa e clicar no link negociação de dívidas para realizar todo o processo de forma virtual. Além do site, as negociações podem ser realizadas via Whatsapp (71 3370-6350), pelo teleatendimento, no número 116, ou nas lojas de atendimento presencial.

“A nossa intenção é contribuir com a recuperação financeira dos consumidores que tiveram dificuldades durante a pandemia. Os clientes terão, durante aproximadamente 20 dias, uma grande oportunidade para negociar os débitos em condições inéditas, com atendimento individual e descontos significativos”, afirmou a superintendente de Relacionamentos com Clientes da Neoenergia Coelba, Cynira Malvera.

A negociação para cliente baixa renda é mais uma iniciativa da Neoenergia Coelba com a finalidade de contribuir com a saúde financeira dos baianos durante a pandemia. Nos últimos meses, a concessionária ampliou suas formas de pagamento digital, com possibilidades de quitação via PicPay, Pix, RecargaPay e débito em conta, além dos agentes bancários tradicionais. Além disso, a fatura já pode ser entregue via e-mail, para evitar contato com o papel e contribuir com o isolamento social e o meio ambiente. O atendimento ao público foi ampliado e passou a ser feito também pelo Whatsapp (71 3370-6350), Facebook, teleatendimento (116), site oficial (www.neoenergiacoelba.com.br) e nas tradicionais lojas de atendimento, que estão seguindo todos os protocolos sanitários visando a segurança dos clientes e dos atendentes.

Fonte: Meio

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.