Anuncie

Anuncie

Segurança Viária: Em apenas 10 horas de fiscalização, quase 1.000 motocicletas são fiscalizadas em operação da PRF na Bahia

Durante as atividades foram retiradas de circulação 97 motocicletas e similares por apresentarem irregularidades na documentação, estado de conservação e ausência de equipamentos obrigatório.


A Polícia Rodoviária Federal na Bahia realizou nesta terça-feira (21), mais uma operação temática da Rodovida. Desta vez, com foco a fiscalização a veículos de duas rodas. A ação abrangeu trechos em todas as regiões do estado com objetivo de diminuir acidentes envolvendo esse tipo de veículo.


Mais de 30% dos óbitos registrados nas rodovias federais da Bahia, em 2019, envolveu motociclista ou passageiro da moto. E muitos desses acidentes ocorrem por imprudência ou até mesmo imperícia do condutor. O número de motociclistas flagrados dirigindo sem habilitação ou sem usar o capacete é determinante na quantidade e gravidade dos acidentes envolvendo veículos de duas rodas.

Durante as fiscalizações, os agentes federais abordaram 843 motocicletas. 445 autos de infração emitidos, a maioria por irregularidades na Carteira Nacional de Habilitação, como não possuir habilitação ou estar com CNH vencida ou suspensa.

Ressalte-se que no decorrer das atividades, 97 veículos foram recolhidos ao pátio por apresentarem irregularidades impossíveis de serem sanadas no local ou por comprometerem a segurança dos usuários da rodovia. Já 26 motociclistas foram autuados pois estavam sem capacete ou transportavam passageiros sem este equipamento de segurança, que é o principal item de proteção da integridade física do condutor e do carona. Além das notificações, todos receberam dicas de segurança e foram alertados sobre o risco e gravidade daquela conduta perigosa.

A PRF alerta que a preparação e o treinamento realizados antes da permissão para dirigir fornecem noções essenciais de regras de circulação, transporte de pessoas e condutas mais seguras no trânsito.


Operação Rodovida

A nona edição da Operação Rodovida teve início em 20 de dezembro. A ação integra esforços de vários órgãos públicos da União, Estados e Municípios com o intuito de somar forças no enfrentamento à violência no trânsito e na redução dos custos sociais decorrentes.

Durante o período da operação que prossegue até 1º de março de 2020, a PRF intensificará as ações de fiscalização, focadas principalmente os relacionados as condutas de ultrapassagens proibidas, à embriaguez ao volante, ao não uso do cinto de segurança e demais dispositivos de retenção obrigatórios, ao uso do celular ao volante, ao transporte de carga e trânsito irregular de motocicletas e ciclomotores.

Fonte: PRF BA

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.