Anuncie

Anuncie

Corinthians vence a Ferroviária e se sagra bicampeão da Libertadores

Timão derrota as adversárias por 2 a 0 em levanta sonhado troféu do bicampeonato sul-americano no Estádio Olímpico de Atahualpa, em Quito

Crédito: Conmebol Libertadores Feminina 2019

O Corinthians é bicampeão da Copa Libertadores da América. Na noite desta segunda-feira (28), o Timão derrotou a Ferroviária por 2 a 0 e faturou o segundo título sul-americano de sua história. No gramado do Estádio Olímpico Atahualpa, os gols alvinegros foram de Giovanna Crivelari e Juliete.

De quebra, o Timão volta na bagagem com o troféu e a manutenção de sua impressionante invencibilidade. Com a vitória em Quito, o Corinthians chega a 43 jogos sem saber o que é uma derrota – a maior marca de uma equipe de futebol do clube.

Primeiro Tempo

O Corinthians foi superior durante toda a primeira etapa da grande decisão. Criou as principais chances de perigo e foi constante ameaça para a goleira da Ferroviária. O Timão chegou a abrir o placar com Tamires, mas o gol foi anulado erradamente pela arbitragem. O Coringão ainda teve boas chances nos pés de Victoria Abuquerque e Millene, mas foi para o intervalo com um empate em 0 a 0.

Segundo Tempo

O Timão voltou para o segundo tempo com a mesma intensidade. Atacando sem trégua, o Corinthians apostou na pressão alta e na aproximação para chegar ao gol da Ferroviária. Depois de boas chegadas em finalizações de Gabi Zanotti, Millene e Juliete, o Coringão finalmente encontrou as redes. 

Erika esticou na frente e Millene ganhou a casquinha no meio-campo. Tamires buscou a sobra, arrancou até a área e rolou para Giovanna Crivelari. A camisa 19 se antecipou à defesa e tocou no cantinho – 1 a 0 para as corinthianas!

Crédito: Conmebol Libertadores Feminina 2019

Com a vantagem, o Corinthians manteve a posse de bola no campo de ataque. Trocas de passes inteligentes e viradas de jogo garantiam ao Timão o controle da partida. Nos acréscimos da arbitragem, aos 45 minutos da etapa final, Juliete tabelou com Victoria Albuquerque, recebeu na frente e finalizou cruzado, sem chances para a goleira da Ferroviária. Corinthians 2 a 0 no placar e o grito de campeãs da América ecoou por Quito – a Libertadores 2019 está pintada de preto e branco!

Crédito: Bruno Teixeira / Ag/ Corinthians

Fonte: Agência Corinthians

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.