Bahia Farm Show

10 abril 2018

Principais amigos de Temer viram réus



A 12ª Vara Federal de Brasília aceitou a denúncia, feita pela Procuradoria-Geral da República, contra os amigos do presidente Michel Temer — incluindo o advogado José Yunes e o coronel PM João Baptista Lima Filho. Agora réus, são acusados de integrar o quadrilhão do MDB. Não bastasse, o doleiro Lúcio Funaro entregou documentos que permitem reconstituir os rumos de R$ 10 milhões que saíram da Odebrecht e entraram no partido. (Globo)

Quase metade dos 54 senadores cujos mandados acabam este ano são investigados pela Lava Jato. Ao todo, 23 deles.

Aliás... Em se confirmando que o tucano Aécio Neves disputará uma vaga para o Senado, haverá em Minas uma repetição da última corrida presidencial. Dilma Rousseff também brigará por uma cadeira no estado.

Segundo levantamento do Globo, a Lava Jato já tocou em 14 partidos diferentes. A lista inclui o presidente da Casa, Eunício Oliveira, o presidente do MDB Romero Jucá e o líder do PT, Lindbergh Farias.

Pois é... Os casos que envolvem o governador afastado de São Paulo, Geraldo Alckmin, serão encaminhados para a primeira instância. (Valor)

Fonte: Meio