Bahia Farm Show

15 setembro 2017

Falta constante de água é tema principal da sessão ordinária da Câmara de São Desidério





Na noite desta quarta-feira, 13, os vereadores da Câmara de São Desidério, fizeram uso da tribuna, na sessão ordinária, para apresentarem suas ações e protestos contra a prestação do serviço de abastecimento de água no município, oferecido pela EMBASA- Empresa Baiana de Águas e Saneamento S.A.

“Hoje estou aqui para protestar, é uma falta de respeito muito grande por parte da EMBASA, o serviço está precário, ficamos sem água durante dias consecutivos e sem nenhuma explicação, no final do mês, a conta ainda é alta, um verdadeiro abuso”, afirmou o vereador Cleusnélio Santana.

“Sabemos da irresponsabilidade da EMBASA com os consumidores, há muitos anos este fato lamentável de falta de água, se repete. Esta semana o colega Jair Lisboa e eu, protocolamos um ofício para o gerente regional da empresa, para que sejam tomadas as providências cabíveis. Segundo a explicação que nos deram, desta vez, houve uma pane na bomba de captação da água no sábado, mas hoje o abastecimento começou a ser restabelecido. Técnicos ainda estão trabalhando para normalizar a situação de maneira geral. Outro problema, é o sistema de abastecimento, muito antigo”, destacou o vice-presidente, Luciano Rocha.

“Sugiro que o gerente da EMBASA, venha à Casa Legislativa e no uso da tribuna, preste todos os esclarecimentos ao povo. Mesmo diante de tantas falhas, houve um aumento de 8,8% na conta de água, é muito abusivo”, enfatizou o vereador João Neres de Carvalho (Nerito).

“Não podemos tolerar mais esta situação, é um absurdo, ficar sem água é terrível. Também é preciso que haja um estudo dos equipamentos e produtos utilizados pela EMBASA. Proponho fazermos um requerimento, pedindo ao prefeito, que forme uma equipe para fiscalizar o trabalho realizado pela EMBASA”, ressaltou o presidente, Marusan Ferreira.

Desta forma, todos os edis destacaram o descontentamento com a empresa e afirmaram estarem empenhados na busca por providências, as quais garantam melhorias no fornecimento e principalmente, na qualidade da água.

Fonte: ASCOM da Câmara de Vereadores de São Desidério