20 agosto 2014

Secretaria de Agricultura de São Desidério promove capacitação do Sistema de Inspeção Municipal-SIM

???????????????????????

Aconteceu nos dias 14 e 15 de agosto, na sede da Secretaria de Agricultura,  uma capacitação do primeiro módulo do Sistema de Inspeção Municipal de São Desidério. As aulas foram administradas pelo o professor e doutor em Sanidade Animal e Ciência e Tecnologia de Alimentos Robert Taylor Bezerra. A capacitação contou coma presença do diretor de agropecuária, Leandro Rocha e técnicos da secretaria de Agricultura. Serão capacitados mais de sete técnicos para trabalhar no controle, fiscalização e esclarecer sobre oportunidade, benefícios e como promover uma melhor comercialização dos produtos de origem animal e vegetal da agricultura familiar e pequenas agroindústrias, bem como, mostrar os direitos e obrigações dos agentes produtivos e sociedade em geral.

???????????????????????

A capacitação compreende quatro meses de curso. “Eles estão recebendo hoje informações que são critérios que serão avaliados para produção do produto e os requisitos de qualidade que produtor tem que cumprir para que esse produto possa ser comercializado. A vantagem do sistema é que estamos dimensionando pequenas unidades de produção para o pequeno produtor, ou seja,  são  capacidade pequena de produção, todos eles dentro da norma de segurança com investimento baixo. O município de São Desidério sai ganhando com a implantação do SIM, pois é uma forma de preservar a saúde da população em geral. O SIM é um sistema capaz de prover a garantia da qualidade aos clientes e a sua própria saúde. Deve ser capaz de estabelecer o que deve ser feito para atender à satisfação dos clientes, e assegurar que realmente serão realizadas as atividades necessárias para uma produção de qualidade”, disse o professor Robert Taylor.

???????????????????????

Esse primeiro modulo os técnicos da secretaria de Agricultura foram capacitados sobre ‘Análise de Perigos e Pontos de Controle-APPCC, ‘Capacitação e Criação de Regulamentos e trâmites processuais de ações de fiscalização, Consultoria para viabilização de projetos Agroindustriais, Aprovação de projetos arquitetônicos como termos de referência para o município, Aprovação de processos de registro de produtos de origem animal e vegetal e Registro de produtos.  “No que diz respeito, à satisfação do cliente, deve-se entender que, no caso das indústrias de alimentos, esse termo se estende ao conceito da garantia da saúde do consumidor. Baseada nisso, a legislação brasileira, recomenda através das portarias 326 e 368/97 e 46/98 do Ministério da Saúde e Ministério da Agricultura, respectivamente, a adoção das Boas Práticas de Fabricação e do Plano APPCC (Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle) como sistemas preventivos que garantem a segurança dos alimentos”, frisou o doutor em Sanidade Animal e Ciência e Tecnologia de Alimentos, Robert Taylor Bezerra.

???????????????????????

Para o diretor de Agricultura do município Leandro Rocha, a implantação do SIM em São Desidério se faz importante para cuidados com saúde da população. “A capacitação é parte do cronograma de ações realizadas com o objetivo de implantação e implementação do Sistema de Inspeção Municipal de São Desidério. Essa capacitação abastece os técnicos de conhecimentos necessários para a realização dos procedimentos de inspeção de unidades produtivas e produtos, com o objetivo supremo de garantia da saúde dos consumidores do nosso município. Para nós, funcionários e técnicos da secretaria de Agricultura, esse treinamento dá a confiabilidade necessária, tanto pelos produtores quanto pelos consumidores, ao trabalho a ser realizado no Sistema de Inspeção Municipal de São Desidério, que preza, desde sua concepção, pela seriedade, profissionalismo e sustentabilidade”, explicou.

???????????????????????
 
A técnica Patricia Rocha, recebeu a capacitação e falou da região como um grande potencial de produção no que se refere ao leite, galinha caipira, suíno e hortas. “A Implantação do Sim aqui em nosso município trará vários benefícios, tanto para a área produtiva de alimentos, quanto aos consumidores desses produtos. A capacitação se faz importante, uma vez que nos traz conhecimentos a cerca de todo processo de produção de um determinado produto agrícola, até a obtenção dos produto final para consumo”, disse.

Texto e fotos: Diego Souza