CAIXA AQUI

CAIXA AQUI

24 abril 2017

Mutirão de Saúde Prisional atende cerca de 50 presos em Barreiras/BA



O Ministério Público estadual promoveu hoje, dia 20, em parceria com as Polícias Civil, Militar e a Secretaria Municipal de Saúde de Barreiras a primeira fase do projeto ‘Mutirão de Saúde Prisional’, no Complexo Policial do Município. Na ocasião, 34 presos foram atendidos em consultas médicas e cerca de 15 receberam tratamento odontológico. Também foram realizados testes rápidos para detectar sífilis e HIV e vacinação contra gripe, febre amarela e hepatite B. Segundo o promotor de Justiça Elias Silva Rodrigues, posteriormente será realizada uma segunda etapa do mutirão com o objetivo de atender os presos que necessitem de exames complementares. A iniciativa do mutirão surgiu a partir de demandas de familiares de presos que buscaram a Promotoria de Execução Penal relatando insuficiência de consultas médicas e odontológicas no Complexo Policial, “bem como em virtude da extrema dificuldade que a Polícia Civil enfrenta diariamente para assegurar esses atendimentos”. Os exames médicos serão realizados pela Secretaria Municipal de Saúde.

Fonte: Cecom/MP

20 abril 2017

Família de criança com insuficiência renal muda de São Desidério/BA para tratamento e busca doador na BA


A família de Marco Antônio, de cinco anos, saiu de São Desidério, no oeste da Bahia, para morar em Salvador, a fim de acompanhar o garoto no tratamento da insuficiência renal. O pai, o diarista Antônio da Silva, e a mãe, a dona de casa Rosânia Aquino, estão desempregados e lutam para que o pequeno encontre um doador compatível.

A mãe do menino conta que, há três anos, Marco Antônio começou a apresentar sintomas de febre e vômito, mas o diagnóstico demorou para ser determinado. “Toda vez que a gente ia, se falava que era virose, sempre foi assim. [Quando saiu diagnóstico], ele estava muito inchado e o médico pediu para transferir ele para Salvador”, afirma Rosânia Aquino.

Atualmente, os pais precisam morar de aluguel em uma casa no bairro de Narandiba e ir diariamente ao Hospital Roberto Santos para sessões de hemodiálise. Eles precisaram deixar os outros três filhos na cidade de São Desidério para dedicar os cuidados a Marco Antônio.

Além da hemodiálise, Marco precisa tomar pelo menos 10 medicamentos todos os dias, que custam em torno de R$ 200 por mês. Apenas um dos medicamentos a família consegue que seja fornecido gratuitamente pelo Serviço Único de Saúde (SUS).

"A gente tem que fazer o possível para não passar fome e não deixar medicamento dele também”, diz o pai Antônio da Silva.

Menino de 5 anos sofre há três anos com sintomas de insuficiência renal (Foto: Reprodução/ TV Bahia)

O menino só pode receber o rim de um doador falecido ou com até o quarto grau de parentesco, que tenha mais de 23 anos e sangue tipo B positivo. A mãe dele foi a primeira a fazer os exames de compatibilidade. O resultado deve sair em breve, e a dona de casa está na expectativa de que o filho seja operado. “Isso me dói bastante. Só Deus mesmo na vida dele”, afirma a mãe.

O pai espera que, com o transplante, a família volte a ficar unida e a vida deles possa recomeçar. “É uma alegria que a gente está esperando ter para que a gente volte para o lugar da gente e cuidar da vida”, acredita.

A médica Claudia Andrade diz que o diagnóstico precoce, inclusive no atendimento pre-natal, é importante para o tratamento da insuficiência renal. Ainda segundo a especialista, em adultos, o excesso de peso está relacionado a casos da doença. "Evitar a obesidade é um passo importante para evitar doença renal na idade adulta", diz a especialista.

Ainda segundo Claudia, a dificuldade para conseguir o transplante ocorre por conta do baixo índice de doações de órgãos. "Infelizmente no nosso estado tem número pequeno de doações pelos familiares dos pacientes falecidos. É uma cultura que estamos tentando mudar para que aumente o número de doações", explica.

Fonte: G1 BA

Baleia Azul: por que ainda ninguém foi preso por incentivar o suicídio?


Quem instiga alguém a se suicidar está cometendo crime, mas a identificação de quem age na internet é mais complicada.


A onda de preocupação gerada pelo jogo Baleia Azul leva ao questionamento sobre quais medidas podem ser adotadas para prevenir o envolvimento, especialmente de adolescentes, no jogo que pode levar ao suicídio.

A atuação da família e da escola vem sendo apontada como fundamental, mas também há expectativa sobre como o poder público pode reagir e como as pessoas que promovem esse jogo da morte podem ser contidas e responder pelos seus atos.

Até agora, já há notícia de duas mortes no Brasil relacionadas ao jogo: uma adolescente de 16 anos do Mato Grosso e um jovem de 19 de Minas Gerais.

Mesmo que eles tenham mesmo consumado o ato por conta própria, pessoas que o estimularam também devem responder por isso. E até mesmo quando o suicídio não ocorre há responsabilidade de quem o incentiva.

Em Curitiba, por exemplo, até agora a Secretaria Municipal de Saúde registrou oito casos relacionados ao jogo Baleia Azul.

O direito brasileiro considera crime o induzimento, instigação ou auxílio a suicídio. O Código Penal prevê pena de dois a seis anos para esses atos, caso ocorra a morte.

Se houver tentativa que resulte em lesão corporal grave, a pena é de um a três anos. A pena será duplicada se e a vítima for menor de idade ou tiver a capacidade de resistência reduzida.

O jurista Luiz Flávio Gomes, especializado em direito penal, explica que o induzimento ao suicídio ocorre quando a pessoa não pensava em se suicidar e alguém lhe dá a ideia. Já a instigação, é quando a pessoa já tem ideias suicidas e é incentivada.

As pessoas que dão orientações via internet sobre as etapas no jogo são conhecidas como curadoras. Elas abordam os participantes em grupos do Facebook ou via WhatsApp.

O advogado e professor de direito penal do Unicuritiba Alexandre Knopfholz explica que, como o “jogo” se dá no meio digital, o desafio é identificar quem está atuando como curador.

Mas ele diz que delegacias especializadas em cibercrime podem quebrar IPs e rastrear de onde vêm as postagens.

É possível que a vítima seja de Curitiba, mas o curador esteja em outra região do país. Nesse caso, a competência sobre o caso e as medidas no âmbito da Justiça permanecem aqui, mas diligências precisariam ser feitas em parceria com a polícia do local onde está o criminoso.

Direito não dá conta

O presidente da Comissão de Inovação e Gestão da OAB-PR, Rhodrigo Deda, observa que o WhatsApp e o Facebook devem contribuir para localizar as pessoas que atuam como “curadoras da morte” – que é como ele chama os incentivadores do jogo. “[As empresas] devem dar condições às investigações. São aplicativos comerciais, que não podem ser suporte para crime”, observa.

Para Deda, caso não colaborem, as empresas devem pagar multas, mas não devem ficar sujeitas a bloqueios por determinação judicial como já ocorreu em outros casos de investigação criminal.

“Mas não significa que o direito não tenha como atuar”, aponta o presidente da Comissão de Inovação, que defende que haja estímulos para políticas públicas que tratem do tema sem tabu: “Precisamos falar sobre suicídio”, diz.

Outras medidas relevantes, na visão de Deda, são ações que se preocupem em entender as pessoas que se voltam para esse tipo de desafio, seja por curiosidade, seja por distúrbio psicológico; e o fomento de ações em defesa da vida.

Fonte: Gazeta do Povo

MPF opina contra obrigatoriedade de simulador de direção veicular em autoescolas


A medida implica a criação de obrigação não prevista em lei e atenta contra princípios da livre concorrência

Fonte: iStock

O Ministério Público Federal (MPF) apresentou parecer contrário à apelação interposta pela União, opinando contra a obrigatoriedade do uso de simulador de direção veicular em centros de formação de condutores para a obtenção da Carteira Nacional de Habilitação do tipo B.

O MPF entende que a medida implica a criação de obrigação não prevista em lei, tendo em vista que a Constituição Federal determina que para instituir novas obrigações aos cidadãos ou restringir direitos deve haver a elaboração de lei ordinária.

A inclusão de aulas práticas ou exames por meio de simuladores de direção veicular bem como a adição de obrigações aos candidatos é prerrogativa do Poder Legislativo, que já rejeitou na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) projeto de lei similar à Resolução 543/15, o PL 4.449/12.

A norma também atentaria contra o princípio da livre concorrência. O valor de apenas um simulador pode ser extremamente alto, de forma que somente as autoescolas com maior poder econômico, equipadas e estruturadas nos grandes centros urbanos do país teriam condições de se manter operando dentro das novas normas.

O Código Brasileiro de Trânsito (CTB) reservou ao Conselho Nacional de Trânsito (Contran) a competência paranormatizar os procedimentos sobre a aprendizagem, habilitação, expedição de documentos de condutores, e registro e licenciamento de veículos.

Todavia, a edição da Resolução nº 543/15, que determinou a obrigatoriedade do uso de simuladores de direção veicular pelos centros de formação de condutores para obtenção da Carteira Nacional de Habilitação do tipo B, ultrapassou os limites delineados pelo CTB, criando uma nova etapa no processo de obteção de habilitação que não está prevista em lei.

Número do processo: 1001640-79.2016.4.01.3400 /DF

Fonte: ASCOM do Ministério Público Federal

Resultados preliminares do processo seletivo da Secretaria de Saúde de São Desidério

19 abril 2017

Hemoba tem estoque de sangue crítico e faz apelo para doações



A Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba) convoca a população para doar sangue, em decorrência dos registros de redução acentuada no número de doadores e aumento significativo das demandas transfusionais. O apelo tem o objetivo de estabilizar os estoques da unidade e continuar atendendo com segurança e qualidade todas as demandas de hemocomponentes dos hospitais e unidades de saúde do estado.

Os estoques da Hemoba estão apresentando situação crítica, com exceção apenas dos tipos A, B e AB positivo, que, nesse momento, estão estáveis. Todos os demais tipos, sobretudo os fatores de Rh negativo, estão em falta e precisam de reposição com urgência, sendo que a maior demanda, no momento, é de O negativo e de plaquetas.

A Hemoba solicita que os doadores compareçam a uma das suas unidades para ajudar a salvar vidas, doando sangue. Os doadores de plaquetas por aférese devem procurar o Serviço de Atendimento ao Doador (SAD), pelo telefone (71) 3116-5661, para fazer o agendamento da doação.

Critérios de doação

Para doar sangue, o candidato deve apresentar documento oficial com foto, pesar acima de 50 quilos; estar descansado (ter dormido pelo menos seis horas na noite anterior); não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas anteriores; evitar comidas gordurosas nas quatro horas que antecedem a doação e ter entre 16 e 69 anos, sendo que menores de 18 anos precisam estar acompanhados por um responsável legal.

Febre amarela

Candidatos à doação de sangue que tenham sido vacinados recentemente contra febre amarela ficam inaptos por quatro semanas, a contar da data da vacinação. Saiba mais também pelo Instagram @hemobaoficial e Facebook. facebook.com/hemoba.

Onde Doar

UCT Hemoba - Hospital do Oeste - Barreiras/BA, Rua do Antigo Aeroporto, 500 - Vila Amorim - Tel: (77) 3612-9405/9404  Fax: (77) 3613-3799/75/77 E-mail:  uct.ho@irmadulce.org.br - Funcionamento: Seg a Sex - 8h às 12h / 13h às 17h.

Fonte: Ascom/ Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba)

Prefeito de São Desidério sanciona Projeto de Lei que amplia licença-maternidade para 180 dias.


O prefeito de São Desidério, José Carlos, sancionou o projeto de Lei nº 004/2017 que define no âmbito das servidoras do município de São Desidério a ampliação da licença-maternidade por mais 60 (sessenta) dias, passando de 120 (cento e vinte) dias para 180 (cento e oitenta) dias.




Info São Desidério

Estudante de Barreiras embarca nesta quarta-feira para representar a Bahia em evento no Equador



O estudante Tailan Silva de Melo embarca, nesta quarta-feira (19), às 15h, do Aeroporto de Barreiras para o Equador. O aluno do curso técnico em Agropecuária, do Centro Territorial de Educação Profissional da Bacia do Rio Grande (CETEP), teve o projeto ‘Biomassa de banana verde como fonte alternativa de alimentação’, desenvolvido em sala de aula, selecionado para representar a Bahia, no 13º Concurso de Proyectos Empresariales, Ciencia, Tecnologia e Innovación 2017, que será realizado de 20 a 22 de abril, na cidade de Ambato, capital da província de Tungurahua, a 150 km de Quito, capital federal. Este é o principal evento internacional na América do Sul para empreendedores pré-universitários.

O secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, esteve com o estudante durante a 15ª Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (FEBRACE), realizada em março, em São Paulo, quando Tailan foi premiado em terceiro lugar na categoria Ciências Agrárias e garantiu a sua participação em Quito. “Este é um projeto que interage com a identidade do Território e com potencial de contribuir com a qualidade de vida das pessoas. São projetos assim que estamos buscando estimular na rede estadual”, afirma Pinheiro.

Mais sobre o projeto – O projeto ‘Biomassa de banana verde como fonte alternativa de alimentação’ foi desenvolvido em sala de aula no âmbito do Projeto Ciência na Escola, da Secretaria da Educação do Estado. O projeto de iniciação científica aponta as propriedades desta fonte energética e nutricional valiosíssima e que muito contribui para gerar emprego e renda para pequenos produtores. A biomassa de banana verde consiste em uma preparação feita com polpa de bananas verdes cozidas. 

Durante a pesquisa, foi constatado que parte da banana em estado verde é inutilizada e desprezada a céu aberto nos períodos de colheita e da maturação do fruto e, até mesmo, na seleção para a comercialização e o transporte entre lavouras da região Oeste da Bahia. A biomassa verde impedirá este desperdício, fazendo com que o projeto tenha grande alcance social.

Sobre o evento no Equador - Esta premiação é uma parceria entre o Programa Jovens Inovadores - Programa de incentivo à Ciência, à Tecnologia e à Inovação da rede POC – rede do Programa de Olimpíadas do Conhecimento e o Programa aprender a Empreender do Equador. A Rede POC – Rede Internacional de Promoção do Interesse pela Ciência, Tecnologia e Inovação entre estudantes da Educação Básica e do Ensino Superior – é responsável pela seleção dos projetos brasileiros. Além do Brasil e do Equador, participarão da Feira projetos de estudantes da Argentina, Chile, Colômbia, Costa Rica, México, Panamá e Peru.

Fonte: ASCOM da Secretaria de Educação da Bahia

Motocicleta roubada em Brasília/DF é recuperada pela PRF em Cristópolis/BA



Policiais Rodoviários Federais detiveram na tarde de ontem (17), um homem sem habilitação conduzindo motocicleta roubada no município de Cristópolis/BA. O veículo, uma moto Honda/Fan, foi abordado no KM 701 da BR 242, trecho localizado na região oeste da Bahia.

Durante a abordagem, os PRFs realizaram fiscalização na documentação veicular e encontram sinais de adulteração no Certificado de Registro e Licencimanto de Veículos (CRLV) apresentado pelo condutor de 32 anos. Foram realizadas consultas no banco de dados e confirmada a inautenticidade do CRLV e posteriormente, ao fiscalizar a motocicleta, também foram encontrados sinais de adulteração nos números do chassi e motor.

Após os trabalhos de identificação veicular, os PRFs identificaram os dados originais e, em consulta aos sistemas, constataram se tratar de motocicleta roubada na capital federal em maio de 2014. Na motocicleta era utilizada uma placa que foi "clonada" de uma outra moto Honda de mesmas características. Ao ser questionado pelos PRFs, o homem informou que adquiriu o veículo no início deste ano após negociação com um indivíduo no município baiano de Cotegipe.

O homem foi preso e encaminhado com a motocicleta recuperada e documento falso para a delegacia de polícia judiciária local, onde responderá pelos crimes de receptação e uso de documento falso.

Fonte: PRF

18 abril 2017

Luís Eduardo Magalhães tem redução de 17% nos homicídios


O município registrou também a queda de 30% nos casos de roubo a estabelecimentos comerciais e de serviços.


O município de Luís Eduardo Magalhães, na Região Oeste do estado, distante 952 quilômetros de Salvador, teve uma redução de 17% no número de homicídios no primeiro trimestre de 2017, comparando ao mesmo período do ano anterior (17 em 2016, para 14 em 2017). Outro dado positivo, que reflete o trabalho das polícias Civil e Militar na cidade, foi a queda de 30% nos casos de roubo a estabelecimentos comerciais e de serviços, de 27 nos três primeiros meses de 2016, para 19 em 2017.

Segundo o delegado Rivaldo Almeida Luz, responsável pela Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Barreiras), que atende Luís Eduardo Magalhães, o Governo do Estado tem feito muitos investimentos na área da segurança pública na região. “Recebemos um delegado, um escrivão e 10 investigadores, dobrando o efetivo no município”, afirmou Almeida.

A atuação conjunta das polícias e outras instituições também foi citada pelo delegado como um diferencial para os bons resultados alcançados. “Fizemos a operação 'Saturação' no mês de março, em parceria com a Polícia Militar, com o apoio do Graer, Polícia Rodoviária Federal e Guarda Municipal, envolvendo 116 agentes. Bloqueamos acessos à cidade e também entradas e saídas de alguns bairros por um dia inteiro, foram 10 mandados de prisão cumpridos e cinco pessoas presas preventivamente”, relatou o delegado.

O aumento nos índices da produtividade policial também demostra o empenho dos policias. O número de inquéritos remetidos para a Justiça teve um aumento de 34% no primeiro trimestre de 2017, passando de 100 para 134, presos em flagrante subiu de 88 para 98, um crescimento de 12 %, e o cumprimento de mandados de prisão cresceu 25%, de oito para 10.

De acordo com o comandante da 85a Companhia Independente da Polícia Militar, capitão Giovanni Castro, além da atuação conjunta com outras forças, os investimentos na PM da região colaboraram para a obtenção de resultados positivos. “Tivemos recentemente a inauguração da Base Avançada do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Bavan/Graer) em Barreiras e teremos em breve a instalação do Centro Integrado de Comunicações (Cicom), que também ajudará no nosso trabalho ostensivo”, disse Castro, lembrando ainda que a 85ª CIPM recebeu uma viatura de marca Fiat, modelo Pálio Weekend, para reforçar o patrulhamento.

Reforço

Inaugurada em 17 de fevereiro, a primeira Base Avançada do Graer no interior foi construída e implantada através de uma parceria público-privada com a Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba). O Governo do Estado investiu R$ 24 milhões (aeronave modelo Esquilo, caminhão de abastecimento, dentre outros equipamentos), enquanto a estrutura física da unidade (R$ 4,2 milhões) foi erguida pela Aiba, por meio de financiamento do Programa para Desenvolvimento da Agropecuária (Prodeagro).

Das diversas ações desempenhadas pelas equipes do Bavan/Graer de Barreiras, destaque para o apoio nas operações integradas e de rotina, estando, dentre as prioridades, o combate ao tráfico de drogas e às quadrilhas especializadas em roubos a bancos. Resgates e salvamentos também estão no rol de seus serviços.

Fonte: Ascom SSP/BA

Elementos invadem o Hospital Regional de Ibotirama e executam uma pessoa



O Crime ocorreu na tarde desta terça-feira (18/04) por volta das 14h10, a execução ocorreu dentro de quarto do hospital. Uma funcionaria do HRI, que preferiu não ser identificada, informou a nossa reportagem que os atiradores entraram pela porta dos fundos do hospital, onde os dois elementos entraram no local e foram direto ao quarto e abriu fogo contra o paciente, de cerca de 28 anos, que estava internado desde a madrugada de domingo (17/04), após levar tiros em uma festa que acontecia no bairro São Francisco, inicialmente identificado por 'Marcinho'.

"A entrada e a saída dos dois foi muito sutil, quase despercebido. Um deles ficou no controle, como se já conhece o local ou já tivesse ido ali ver por onde ir. A ação violenta mesmo foi na hora da execução, foi momentos de muito medo mesmo, tinham muitas pessoas no hospital, e ao ouvir os tiros, muito gente se desesperou, foi realmente angustiante, mais graças a Deus não atingiu mais nenhum inocente", explicou a funcionária. A policia Civil investigara o caso e devera analisar as imagens das câmeras de segurança do hospital. 

Na ação, foram efetuados diversos disparos, cerca de 8 (oito). O corpo da vítima, ainda encontra-se no leito hospitalar, com muitos disparos aguardando a Policia Técnica para realizar a remoção para o IML. Os atiradores saíram do hospital e conseguiram fugir do local, embarcando no mesmo veículo que chegou.

Não se sabe a motivação do crime, o rapaz ora identificado por 'Marcinho', apesar da pouca idade, tem muitos antecedentes. Preso por tráfico de drogas, porte ilegal de armas de fogo e suspeito de homicídio, o mesmo inclusive estava em liberdade provisória.

Nossa equipe de reportagem tentou contato com o HRI, porem não obteve sucesso, a policia militar foi acionada e este no local e neste momento realiza buscar juntamente com a guarnição da CIPE CERRADO, na tentativa de localizar os criminosos.

Fonte: Velho Chico News

Decisão liminar impede venda casada do Oi Velox e determina que Anatel fiscalize a empresa


A decisão acata pedidos de ação ajuizada pelo MPF que cobra o fim da prática abusiva pela empresa Oi Telemar

Imagem ilustrativa: Istock photo

A pedido do Ministério Público Federal (MPF) Polo Ilhéus/Itabuna (BA), a Justiça Federal de Itabuna (BA) determinou liminarmente que a Oi/Telemar Norte Leste deixe de praticar a “venda casada” de seu serviço de internet banda larga (Oi Velox). Foi determinado, ainda, que a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) deve fiscalizar a empresa e cobrar medidas que impeçam essa prática. A liminar foi expedida em janeiro deste ano. 

Segundo a decisão, que acata os pedidos formulados na ação ajuizada em setembro de 2016 pelo MPF, a empresa de telecomunicações deve cessar, no prazo de 60 dias a contar da sua intimação, a venda casada do produto Oi Velox com qualquer outro produto da empresa, em especial o serviço de telefonia fixa.

Para garantir a operacionalização da medida, a Justiça determinou que a Anatel cobre permanentemente daOi/Telemar a adoção de medidas que impeçam e corrijam a prática abusiva, fiscalizando a empresa e impondo as sanções cabíveis.

A prática ilegal e abusiva – vedada pelo Código de Defesa do Consumidor e pela Resolução 632/2014 da Anatel – foi atestada pelo MPF a partir de consulta ao site da Oi/Telemar, em diligências nos seus postos de atendimento e por meio da simulação de contratação do serviço de internet por meio do chat da empresa.

Segundo o procurador da República Tiago Rabelo, “a Oi continuou a realizar a venda casada mesmo após reiteradas penalidades que lhe foram aplicadas, e a ANATEL permaneceu omissa, compactuando com o descumprimento da lei”.

O MPF segue monitorando o cumprimento das medidas liminares impostas pela Justiça e, caso descumpridas, pedirá a aplicação de multa e adotará as demais providências cabíveis.

Número para consulta processual na Justiça Federal: 4063-05.2016.4.01.3311 (Subseção Judiciária de Itabuna).

Fonte: ASCOM do Ministério Público Federal na Bahia

Conheça as LOJAS CERRADO


Comercial Cerrado

Um dos primeiros passos para que sua casa saia do jeito que você sempre imaginou é se cercar dos melhores produtos, em todas as fases da obra. O Comercial Cerrado oferece o que há de melhor em materiais de construção, reforma e decoração.


Cerrado Peças

A Cerrado Peças oferece tudo para bicicletas, motos e carros, como: Capacetes, pneus para todos os aros, suspensão, freios, guidões em geral e acessórios para sua bicicleta, moto ou carro. 


Cerrado Agropecuária

A maior variedade de produtos veterinários e agrícolas você encontra na Cerrado Agropecuária. Tudo em medicamentos, ferramenta em geral e muito mais.


Supermercado Cerrado

O Supermercado Cerrado tem a maior variedade de produtos em alimentos, produtos congelados, bomboniere, biscoitos, bebidas e uma grande variedades de produtos para abastecer sua casa. 


Propaganda

Beatriz Miranda | Arquitetura e Interiores




Contrate a Banda Moisés e Danilo.


Propaganda